Página Inicial > Viagens > Ásia > Dicas Para Curtir ao Máximo a Indonésia

Dicas Para Curtir ao Máximo a Indonésia

A República da Indonésia está localizada o sudoeste da Ásia e da Austrália, sendo o maior arquipélago, que é formado por diversas ilhas, sendo que a maior delas é Sonda. Faz fronteira com a Malásia, Timor Leste, Nova Guiné, Filipinas, Singapura, Palau, Austrália, e dois Estados indianos, Andaman e Nicobar. Sua capital é Jacarta, a língua oficial é indonésio, e conta com uma população estimada de 250 milhões de habitantes que vivem em uma área de 1.904. 569 quilômetros quadrados.

O nome da ilha é curioso, já que significa, literalmente, “ilha”. O seu nome é provavelmente originado do século XVIII, quando ocorreu uma formação que precedia a sua independência. Já pertenceu aos países baixos. O fuso horário e relação ao Brasil é de mais de 10 horas de diferença. Sua moeda oficial é a rúpia, e para quem está planejando viagem à Indonésia, é necessário conseguir o visto para a entrada no país. Todas as informações estão no site do consulado.

Não existem voos diretos do Brasil para a Indonésia. As principais rotas de viagem são por Frankfurt, na Alemanha, Amsterdam, na Holanda, ou Istambul, na Turquia. Todas as rotas aterrissam em Jacarta, a capital da Indonésia.

A Indonésia tem sido muito procurada por que quer viajar para a Ásia, isto porque há os  cenários do local são de praias, de florestas tropicais, de cachoeiras e de montanhas, capazes de encher os olhos e a alma de qualquer visitante. Suas principais ilhas visitadas são as de Java, Samatra, Bornéu, Nova Guiné e Celebes.

Trata-se do décimo sexto país mais extenso do mundo, com uma densidade populacional alta, que está sobre placas tectônicas do Pacífico, Euro-Asiática e Indo-australiana. O que faz, portanto, com que a Indonésia seja um país com muitos vulcões e com frequentes sismos, conta com pelo menos 150 vulcões ativos, incluindo o Krakatoa e o Tambora, famosos por suas erupções devastadoras no século XIX.

A Indonésia também possui uma das maiores biodiversidades do planeta, sua fauna e flora são verdadeiras misturas advindas de outras regiões da Ásia. O mesmo se dá quanto às religiões praticadas pela população, que são muitas, mesmo assim o governo somente reconhece seis: o islamismo, o protestantismo, o catolicismo, o hinduísmo, o budismo e o confucionismo.

Com um trânsito caótico e combina o estilo de uma grande cidade com seus arranha-céus com um lado mais antigo e de moradias humildes e tradicionais. Embora tenha problemas estruturais, o Museu Nacional da cidade guarda verdadeiros tesouros de sua cultura. A parada obrigatória deve ser na ilha de Bali, paradisíaca.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!