Página Inicial > Receitas e Mesa > Tarteletes Para a Ceia de Natal

Tarteletes Para a Ceia de Natal

Comemorar o Natal é tradição no mundo todo e comemorar com um belo banquete à mesa mais ainda. Sozinho, com o companheiro ou companheira, colegas de trabalho, amigos ou familiares, o momento exige, ao menos, um prato especial, e dicas de receitas não faltam para tornar esse dia realmente peculiar.  A culinária é vasta e a data merece. O cuidado deve ser apenas para não exagerar. Depois do Natal, vem o Ano Novo e mais comemorações e receitas divinas. Com moderação, a festa é tranquila e melhor aproveitada.

 

Pode-se dizer que não existe Natal sem ceia. Afinal, se reunir a família na noite de Natal é uma tradição, preparar a Ceia de Natal também. É o momento em que a família se reúne para agradecer a vida, relembrar o nascimento e sacrifício de Jesus Cristo, ou apenas curtir a reunião em família.  Tudo isso em torno de uma mesa farta, com diversos pratos típicos.

 

Cada lar tem sua receita favorita, o prato indispensável, um costume, um tempero secreto. Mas não custa apostar em receitas novas e mais diferenciadas. Uma boa pedida é apostar em tarteletes natalinos. Os tarteletes são pequenos “tartes” ou seja, tortinhas originárias da França, podem ser servidas abertas, fechadas. Podem ser doces ou salgadas. Ótima opção para qualquer tipo de festa, uma vez que são apropriadamente para serem servidas em porções individuais.

 

Para esta receita de tartelete natalino serão necessários os seguintes ingredientes:

 

PARA A MASSA

3 colheres (sopa) de açúcar;

1e ½ xícara (chá) cheia de farinha de trigo;

1 pitada de sal;

1 colher (café) de fermento em pó;

1 ovo;

16 nozes em metades, para decoração;

¼ xícara (café) de manteiga;

gel de brilho para pincelar as nozes.

 

PARA O RECHEIO

1 e ½ xícara (chá) de uvas-passas escuras, sem sementes;

½ pote de açúcar refinado.

 

Primeiramente, misture o açúcar com o sal, já peneirados, ao ovo e à manteiga. Adicione aos poucos a farinha com o fermento até obter uma massa homogênea e que solte das mãos. Se necessário, junte um pouco mais de farinha. Leve à geladeira por 30 minutos. Forre as fôrmas com uma fina camada de massa, e asse no forno preaquecido até dourar. Retire do forno e deixe esfriar. Recheie com o doce de uvas-passas e decore com metade de 1 noz. Pincele gel de brilho. Sirva em temperatura ambiente. Ferva as uvas-passas com o vinho. Depois de mornas, passe-as pelo liquidificador ou processador. Adicione o açúcar, e volte ao fogo mexendo até obter uma geleia. Reserve. Caso queira substituir a manteiga por margarina, utilize somente as que contenham teor igual ou superior a 70% de lipídeos na sua composição.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!