Página Inicial > Educação > Geografia > Rios Importantes do Mundo: O Rio Volga

Rios Importantes do Mundo: O Rio Volga

O rio Volga é o maior rio da Europa e o mais importante da Rússia, com 3.688 km de extensão. Nasce nos montes Valdai, a noroeste de Moscovo, e a cerca de 320 km de São Petersburgo; corre pela planície russa; e deságua, por um delta, no mar Cáspio, junto à cidade de Astrakhan.

Pertencente à bacia hidrográfica mais perto do Mar Cáspio, o rio Volga e seus 200 afluentes – sendo os mais importantes os rios Kama, Oka, Vetluga e Sura –, abrangem uma área total de 1.360.000 km². O delta do Volga tem aproximadamente 160 km incluindo 200 canais e pequenos rios que, durante as cheias da primavera, podem mudar o seu curso. O enchimento principal do rio é feito pelas águas de neve (60% do escoamento anual), as águas subterrâneas (30%) e águas de chuva (10%).

Da nascente à foz o rio Volga desce apenas 240 metros, sendo o seu trajeto três vezes maior do que o do Reno (outro rio da Europa). O tráfego é intenso e facilita o intercâmbio de mercadorias norte-sul. Por meio de canais, interliga os mares Branco, Báltico, Cáspio, Azov e Negro, caracterizando-se como uma via fluvial fundamental para o transporte de bens no interior da Rússia.

O Volga possui grandes trechos navegáveis e, também, desníveis que permitem o uso da força das águas para a geração de energia elétrica. O escoamento do rio é hoje regularizado inteiramente com barragens; uma delas está na cidade de Rybinsk, o maior porto do curso superior do Volga.  Desde a Segunda Guerra Mundial, o rio concentra um papel de destaque na indústria russa.

O rio pode ser dividido em três partes: Volga Superior, a partir de nascente até a foz do rio Oka; Volga Médio, da desembocadura do Oka à foz do Kama; e Volga Inferior, da desembocadura do Kama até a foz.

Na bacia do Volga Superior há grandes florestas. No Volga Médio e na parte do Volga Inferior as áreas maiores são ocupadas por plantio de frutas, culturas de cereais e industriais. No distrito do Volga-Ural existem ricas jazidas de petróleo e gás e depósitos de potássio; e no Volga Inferior, sal.

No rio Volga vivem aproximadamente 70 espécies de peixe, entre elas 40 de pesca: rutilo caspian (vobla), esturjão, arenque, brema, perca, carpa, bagre, lúcio, entre outros. Nas suas margens, a pesca à linha e por meio de redes é intensa.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!