Página Inicial > Arte > Rembrandt, Grande Artista Holandês

Rembrandt, Grande Artista Holandês

Rembrandt Van Rijin é um dos grandes nomes da pintura universal, e grande representante das artes da Holanda. Largamente lembrando por obras como “A Ronda Noturna”, “A Aula de Anatomia do Dr. Nicolaes Tulp”, “A Noiva Judia”, “Retrato de Jan Six, Titus”, além de vários autorretratos, que o pintor fez questão de eternizar. Rembrandt nasceu em 1606, em Leiden, e era filho de um rico moedor. Aos 18 anos, Rembrandt Harmenszoon Van Rijn foi para Amsterdam para trabalhar para Pieter Lastman, um famoso pintor. Seis meses depois, ele estava pronto para abrir seu próprio ateliê em Leiden.

 

Rembrandt é conhecido por ter se tornado o “pintor mestre das luzes”. Assim que abriu seu próprio ateliê de artes, logo se tornou popular e decidiu voltar para a rica cidade de Amsterdam, em 1631. Três anos depois, casou-se com Saskia van Uylenborch.ele era um dos pintores profissionais – que vivia exclusivamente de sua arte – mais respeitados de sua época. Conterrâneo e contemporâneo de outro importante pintor, Veermer (que somente teria grande respeito depois de anos de sua morte), Rembrandt deixou obras belíssimas que podem ser contempladas em grandes Museus de Arte pelo mundo afora.

 

Algumas de suas mais importantes obras podem ser vistas 21 no Museu Nacional (Rijksmuseum) em Amsterdã, incluindo o quadro “Ronda Noturna”. A Real Galeria de Arte Mauritshuis contém outros dez quadros dele, incluindo “A Aula de Anatomia do Dr. Nicolaes Tulp”. Quem estiver interessado na vida do pintor, e estiver de passagem pela Holanda, deve visitar o Museu da Casa de Rembrandt, totalmente dedicado a contar a história da vida e da arte do pintor.  Quase todas as suas gravuras estão à mostra nesse museu.

 

No entanto, o que era para ser uma grande trajetória, acabou em amargura. Rembrandt embora fosse muito respeitado por seu grande talento, viu sua vida arruinar, logo após a morte de sua esposa Saskia, que de acordo com os biógrafos do pintor, foi o grande amor de sua vida, mesmo tendo Rembrandt colecionado uma grande amante. A esposa deixou dívidas que tiveram de ser pagas com dinheiro fruto da venda da casa onde viviam. Outras muitas posses ainda foram vendidas para pagamento de dívidas contraídas. Rembrandt viu morrer ainda  a amante. Hendrickje Stoffels,  e seu único filho,  Titus. Rembrandt morreu na pobreza total no ano de 1669.

 

Rembrandt é muito lembrando por uma de suas grandes características: ele conseguia dar aos eventos e às pessoas em seus quadros muita chamatividade. Seu estilo dava às suas pinturas um viés dramático.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!