Página Inicial > Animais > Pássaros Estranhos com Mecanismos de Defesa Estranhos

Pássaros Estranhos com Mecanismos de Defesa Estranhos

A grande maioria das aves podem voar, e voar é uma defesa bastante eficaz contra grande parte dos predadores.

Apesar disto com mais de 10 mil espécies de aves conhecidas e catalogadas é possível se imaginar que algumas delas saem muito do comum.

É possível até mesmo se rir de suas defesas, mas duvido muito que você gostaria e acharia legal topar com estes pássaros.

A fulmar glacial

Esta é uma espécie de ave marinha parente próxima do albatroz. Seu nome é de origem nórdica e vem exatamente por seu cheiro terrível. Até mesmo seus ovos tem um odor bastante forte, as cascas de seus ovos que são alojadas em coleções de museus até hoje produzem cheiro mesmo com mais de 100 anos de serem armazenadas. Como este é um animal que não pode voar nem mesmo correr, o pássaro desenvolve um mecanismo de defesa que é um tanto nojento, quando se sentem ameaçados eles expelem um vômito laranja e brilhante do seu estômago, algo semelhante a um óleo malcheiroso, que fica no seu corpo e gruda nas penas ou pelos do predador.

Isto acaba tornando as penas de quem lhes atacar perder a sua capacidade isolante, assim o predador poderá morrer de exposição ou ainda se afogar.

A Poupa

Esta belíssima ave é encontrada na África, na Europa e também na Ásia, é conhecida por seu voo incomum, algo bem semelhante a uma borboleta, sua crista conta com penas incríveis e espetaculares, e a sua técnica de defesa é bem desagradável.

Estes animais possuem uma glândula com uma substância que solta do ânus um odor terrível. O pássaro esfrega isto em suas penas e cobre o corpo inteiro, o aroma é semelhante ao de carne podre.

Os predadores desta forma não chegam perto da ave e a substância ainda age como se fosse um tipo de repelente contra parasitas e como um agente antibacteriano protegendo o animal de doenças.

Os bebês também tem um mecanismo de defesa um tanto nojento, quando ameaçados e sozinhos no ninho eles acabam esguichando as suas fezes no rosto do seu predador, o aroma é tão terrível que o predador foge.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!