Página Inicial > Decoração de Casa e Apartamento > Construção e Reforma > Outras Dicas de Reformas e Construções Sustentáveis

Outras Dicas de Reformas e Construções Sustentáveis

Quem está planejando fazer uma reforma ou construção, hoje, mais do que nunca, precisa ter a preocupação em fazer com que sua obra, seja mais sustentável possível. Esta atitude fará bem ao planeta, à obra, ao bolso e aos próprios moradores da casa que irão viver com muito mais conforto e tranquilidade em sua residência. Alguns pequenos detalhes se bem vistos dentro do projeto de reforma e /ou construção uma verve sustentável e viabilidade econômica que podem até surpreender no final.

Aposte em materiais eficientes, planeje bem a obra e use a criatividade. Também não se esqueça de montar todo o projeto, em caso de construções, respeitando a topografia do terreno. Isto evitará surpresas futuras.

Outro detalhe que, por vezes, muitos que estão fazendo algum tipo de obra se esquecem, é o de manter um canteiro de obra de forma o mais sustentável possível, algo que não é anda difícil de ser realizado. Em início de obra, é muito provável que se gaste mais tempo do que dinheiro. Nem por isso, deve-se sair jogando tudo fora, indiscriminadamente. Procure separar corretamente os resíduos sólidos gerados nas obras.

Para isto, faça uso de estratégias simples, como reaproveitar a água da chuva por meio de sistemas simples de captação, armazenando-a em pequenas cisternas que direcionem o recurso para usos não potáveis. A conta de água certamente virá bem mais barata. E em tempos de racionamento, não dá para desperdiçar um recurso tão precioso. Fora do Brasil, no universo da construção civil, locais onde ainda se usa alvenaria tradicional, a prática de reuso de água já é tradicional.

Outra dica muito bacana para fazer um bom planejamento de obra sustentável é procurar fazer uma compra grande de material (dá para pleitear maiores descontos) e a entrega dos materiais pode ser feita uma única vez. Verifique, portanto, a possibilidade de os produtos serem entregues juntos: assim, é diminuída a circulação de veículos, responsáveis por boa parte das emissões de gases poluentes no mundo.

Quando já estiver na fase de fazer as pinturas das paredes, procure usar tintas claras e para compor os ambientes, que é uma importante estratégia em sustentabilidade. Hoje, o mercado oferece produtos à base d’água, que proporcionam isolamento térmico e acústico, proteção contra corrosão, resistência à maresia e até tintas que impedem a proliferação de bactérias, fungos e algas no ambiente. Embora sejam multifuncionais, estes materiais especiais não têm cheiro e não causam alergias e nem irritações. Altamente sustentável.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!