Página Inicial > Café > Os Cafés Exóticos e Caríssimos Vendidos no Mundo

Os Cafés Exóticos e Caríssimos Vendidos no Mundo

O café é sem sombra de dúvidas uma das bebidas mais apreciadas no mundo inteiro, e não são poucos os seus tipos e qualidades. Mas, já pensou em experimentar tipos bem exóticos mesmo?

Pois é. Um dos tipos que tem sido produzidos nas Filipinas e na Indonésia hoje pode não agradar aos mais afeitos ao cafezinho tradicional, isto porque o fruto, além de ser considerado uma iguaria e também vendido a peso de ouro é obtido a partir das fezes de civeta, uma espécie de gato selvagem tipicamente encontrado no sudeste asiático.

O animal, conhecido por apreciar frutos (e se alimentar deles!) maduros e saborosos de café, não consegue digerir os grãos ingeridos.  As sementes expelidas por meio das fezes do animal são recolhidas, lavadas e torradas. Segundo os produtores, o grão se torna mais fermentado e torna o sabor do café muito especial e único.

Daí é produzido o café Kopi Luwak (assim batizado), cujo quilo é vendido por cerca de $500 dólares. A bebida obtida com o pó é considerada suave, aveludada, achocolatada, e livre de qualquer sabor amargo. E o consumo desta variedade tem aumentado significativamente, fazendo com ele a sua produção venha ganhando uma significativa fatia do mercado. Por conta disso, os produtores de café, não somente passaram a ter mais cuidado com o recolhimento das fezes do animal, como também decidiram criá-los em cativeiros.

No Brasil, um produtor passou a observar o que era considerada uma das grandes pragas para a plantação local: os jacus. Aves que não alcançam mais de 1 metro e não pesam mais de 3 quilos, e que se alimentavam dos frutos do café. O produtor percebendo que os jacus também não digeriam as sementes da fruta, passou a recolher as fezes dos jacus, lavá-las para extrair os grãos. Torrou-os, moeu-os e obteve também uma variedade de café, que segundo ele possui sabor equilibrado, deixando um sabor inigualável na boca. Desde então, a produção aumentou e passou a ser largamente exportada. O quilo do café proveniente das fezes do jacu tem sido comercializado por cerca de R$ 240,00.

Habilita-se em prová-los?

Compartilhe:

Deixe seu comentário!