Página Inicial > Pets > Cachorros > Medidas Para Evitar Roubo de Cães e Quais as Raças Mais Procuradas Pelos Ladrões

Medidas Para Evitar Roubo de Cães e Quais as Raças Mais Procuradas Pelos Ladrões

Uma nova modalidade de assalto vem surpreendendo que sai para passear com os animais de estimação: roubo de cães de raça. Isto tem acontecido por conta do grande valor de mercado que algumas raças chegam a atingir. A facilidade de roubar um cachorro também é algo que torna esse crime novo e muito procurado por  ladrões, visto que na grande maioria das vezes, o crime ocorre quando a vítima está passeando sozinha com o seu cachorro. A vítima é abordada pelo algoz, que chega com uma conversa muito simpática. Nem sempre o roubo acontece no mesmo dia.

Em geral, os ladrões estudam suas vítimas para ver a melhor maneira de efetuar o crime e não chamar muito a atenção de outras pessoas que estão na rua. Também optam por vítimas bem especificas: senhoras idosas, cães de pequeno  e médio porte, que não vão reagir de pronto. E, quando menos se espera, levam o cãozinho embora.

Sabe-se que muitos desses crimes são motivados porque há um público consumidor –  é algo parecido com o que acontece com o mercado de tráfico de animais silvestres. Só há o crime, porque há um ambiente propício para que ele aconteça, em todos os sentidos.

Algumas medidas simples podem minimizar os riscos de um roubo de cães. Nunca deixe que seu animalzinho ande solto pelas ruas. É pedir para que seja roubado, use a guia da coleira, sempre que sair com ele a passeio.

Também nunca ande sozinho, procure estar em duplas, mesmo que seja apenas para poder fazer a caminhada e passear com o pet. Em duplas, os ladrões ficam mais intimidados e evitam se aproximar, porque em caso de uma reação, costumam sair perdedores. Se caso conheça alguma senhora idosa que ande sozinha com seu pet, oriente-a para não fazê-lo. Elas são vítimas fáceis dos ladrões. Mulheres e ruas desertas também são um prato cheio para eles.  Procure sempre fazer os passeios em grupos.

Caso seja uma vítima de algum desses ladrões, o correto é fazer um boletim de ocorrência na delegacia mais próxima da onde ocorreu o fato, dando todas as informações possíveis sobre os assaltantes. Divulgue as  fotos do seu cachorro em mídias sociais e cartazes nas ruas próximas. Não ofereça recompensa em dinheiro, já que os próprios ladrões podem querer dvolver o cão em troca de valores.

As raças mais procuradas pelos ladrões são: maltês, pug, bulldog francês, lulu da pomerânia,  spitz alemão, lhasa apso,  shih tzu, yorkshire e  pastor de shetland.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!