Página Inicial > Pets > Cachorros > Husky Siberiano, Saiba Mais Sobre essa Raça Canina

Husky Siberiano, Saiba Mais Sobre essa Raça Canina

Raça canina oriunda da Rússia é um dos exemplares mais bonitos de que se tem conhecimento. Eles são conhecidos em seu país de origem há mais de 2 mil anos, quando foram criados pelos Chukchi, essencialmente, para  exercerem o trabalho pesado de puxar os trenós e cuidar das renas.  Mas foi apenas em 1909 que foram levados para a região onde fica o Alaska e de lá se popularizaram para o mundo inteiro. Conta-se que, inclusive, foram cães Husky siberianos que ajudaram a salvar a população inteira de uma aldeia norte-americana que ficava numa região montanhosa e isolada. Os cães foram responsáveis por levar até mesmo medicamentos e alimentos para prover a salvação das pessoas.

Pertencem a família dos spitz, cães do norte que são usados na tração. Alcançam em média 60 centímetros de altura, isto se considerado a cernelha e exemplares machos. Costumam pesar até 22 quilos, ocupam ainda a 45ª. posição no ranking de classificação geral de inteligência. Também são chamados de Husky do ártico. Vivem de 11 a 13 anos.

São cães que possuem muita energia. Dóceis, fazem amizades rapidamente com outros cães e pessoas que não são do circula da família. São protetores por natureza, têm muito apego aos seus donos, e diferente de outras raças, são muito fáceis de serem adestrados em particular se isto for feito na fase em que ainda são filhotes. Gostam mais do frio do que do calor, e não são cães adequados para serem criados em apartamentos, uma vez que necessitam de atividades físicas diárias. São bons cães de guarda também. Costumam ser bastante aventureiros, gostam de correr, por isso o ideal é que sejam criados em espaços abertos como jardins. São atrevidos, gostam de cavar terra, e além disso, caçar gatos e até mesmo gados. Uivam bastante e roem móveis, em particular quando são filhotes.

É um tipo de raça canina que precisa correr muito para gastar toda a energia que ele armazena. Precisa, portanto, de donos que estejam dispostos a brincar, passear ou ter casas de campos, onde estes animais possam viver em tranquilidade e com qualidade de vida. Os pelos, fofos e densos, claros, na maioria das vezes, requer um cuidado todos especial com escovações diárias em períodos de troca de pelos, e duas vezes por semana, fora desta fase. Os  banhos devem ser a cada mês, no máximo. Alimentação rica em proteínas e ácidos graxos, por isso uma ração de qualidade, do tipo premium é recomendável.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!