Página Inicial > Flores > Flores de Corte: Aumente a Durabilidade Delas

Flores de Corte: Aumente a Durabilidade Delas

Quem não gosta de ter um belo arranjo de flores em casa? Impossível imaginar alguém, seja a pessoa de que cultura for não gostar de enfeitar os espaços com belos arranjos de flores. Elas são alegria ao ambiente, cor, e sem sombra de dúvidas, ajudam a perfumar o local, em particular em se tratando de algumas espécies. Mas, é importante que as pessoas que apreciam os arranjos de flores saibam como cuidar de cada um deles, para que ganhem maior durabilidade.

Os arranjos florais são conhecidos entre os floristas como “as flores de corte”. Isto porque as flores que são cortadas, são especialmente pensadas para esta finalidade. Acontece que ao sofrerem com o corte em seus caules, as flores acabam tendo um determinado tempo de sobrevida. Elas não recebem mais a seiva de maneira natural, o que faz com que elas fiquem mais vulneráveis e acabem tendo uma durabilidade menor do que seria se estivessem em seus respectivos caules.

No entanto, é possível que elas tenham uma durabilidade maior. Basta seguir algumas dicas de especialistas em flores. Os cuidados com as flores de corte devem ter início ainda antes de que elas cheguem às casas e floriculturas para servirem às montagens de buquês e arranjos.

Elas são produzidas sob rigoroso controle fitossanitário e manipuladas com todo cuidado desde a colheita passando pela hidratação até a embalagem. Embaladas, elas são transportadas em caminhões frigoríficos para que cheguem fresquinhas aos centros de distribuição. Vale ainda salientar que as flores devem ser cortadas sempre à noite, ou no máximo pela madrugada e manhã. Nessas horas mais frescas, as plantas resistem mais à manipulação e ao transporte.

A dica para escolher os melhores exemplares é verificar as condições das  hastes das flores – devem estar verdes e firmes, sem partes amolecidas ou amareladas e pétalas vistosas, sem amassados ou manchas. Escolha preferencialmente flores em botão, mas preste atenção aos botões grandes e bem formados. Botões muito pequenos podem apodrecer e cair antes mesmo de desabrocharem.

É preciso ainda ter uma atenção especial quanto o assunto é a compra de rosas. Como há muitas variedades, as finalidades de cada uma delas passam a ser bem específicas. Algumas permanecem com os botões fechados e não chegam a desabrochar, sendo mais duráveis, enquanto outras desabrocham em toda sua plenitude.

Também não compre flores murchas ou que tenham manchas que não façam parte de suas características nativas. Elas ainda devem ser embaladas com muito cuidado, para que cheguem em casa intactas.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!