Página Inicial > Mulher > Moda > Dicas Para Acertar na Escolha de Seu Jeans

Dicas Para Acertar na Escolha de Seu Jeans

As calças jeans já são fabricadas há muito tempo. Criadas para atender a uma demanda de trabalhadores que passavam os dias em escavações de minérios, as peças foram pensadas para ter durabilidade.  Mas foi apenas em 1970, muito tempo depois, que o jeans se firmou efetivamente no mundo da moda, quando Calvin Klein transformou o tecido rústico, que servia apenas para roupas de trabalhadores, em matéria prima para alta costura.

Hoje não há uma mulher que não tenha uma peça em seu guarda roupa, mas é importante saber qual tipo de calça jeans se adequada a que tipo físico.

Basicamente, há no mercado quatro modelos de calça jeans: o skinny, o flare, o boyfriend e a calça reta. Para quem tem perna grossa ou fina, com quadril volumoso ou é baixinha, há sempre um modelo que melhor se adéqua e que ficará bonita no corpo.

Para bumbum pequeno os  melhores modelos são o skinny e a flare, pois eles fazem as curvas do corpo. Escolha modelos que tenham bolsos maiores atrás e com detalhes, já que ajudam a potencializar o volume.

Para bumbum grande: são os modelos de corte reto, com bolsos traseiros discretos e lavagens mais escuras. Devem ser evitados os modelos de cinturas baixas e muito justos, pois toda atenção vai pra região que tem mais volume.

Pernas finas: os modelos mais indicados são o boyfriend, a reta ou até mesmo pantalonas, já que estas calças evidenciam a região.

Pernas grossas: os jeans mais escuros e de corte reto são os que melhor se adequam a esse tipo de corpo. Obviamente, é possível usar uma calça skinny, mas também requer truques. Use a skinny com blusas mais longas e soltas, em cores menos  contrastantes com os da calça.

Quem é baixinha: o segredo aqui são as barras das calças. A barra da calça mais alongada fará a perna parecer mais longa. Por isso, os modelos flare e reta são ótimas opções para quem quer parecer ter uns centímetros a mais.

Para as altas: os modelos capri ou que possibilitem dobrar a barra são o que ajudam a disfarçar o comprimento das pernas, já que achatam a silhueta.

Disfarçar culote: prefira sempre um modelo que tenha pouco detalhe na região, evitando, assim, cintura baixa, lavagens na região e pernas mais justas. Evite também lavagens muito claras, porque elas evidenciam a região.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!