Página Inicial > Animais > Dicas de Cuidados Com o Peixe Betta

Dicas de Cuidados Com o Peixe Betta

Quem é que não gosta de ter um animalzinho de estimação? Já se sabe, inclusive, que, quem possui um animal de estimação tem mais alegria e leveza em seu dia a dia. E isto não é diferente,  quando se fala em ter aquários de peixes em casa. Os aquários contribuem não somente com a beleza do lugar como também proporciona movimento e maior interatividade com os donos das casa onde este estiver instalado. Acontece que, para ter um aquário de peixes, em particular algumas espécies, se faz necessário alguns cuidados e procedimentos que devem ser seguidos à risca, para que o peixe e/ou peixes possam ter uma longevidade adequada, assim como uma qualidade de vida semelhante a que poderiam ter em seus habitats naturais.

Isto pode ficar bem claro quando, por exemplo, se fala em peixes da espécie betta. De nome científico – betta splendens – também recebem a alcunha popular de “peixes de briga siameses”. São peixes fáceis de serem encontrados  – vendidos em pets shops especializadas, feiras livres e lojas que comercializam produtos de aquariofilismo. Não demandam cuidados delicados ou muito específicos. Entretanto, para ter um betta em casa, que alegre e dinamize o ambiente, se faz necessária atenção a algumas questões.

Os bettas por se terem originados em arrozais, são peixinhos de água doce. Eles não precisam de muito espaço para viver, mas é importante notar que são peixes solitários – vivem sozinhos, até mesmo por conta de sua agressividade. Não se deve colocar dois exemplares no mesmo espaço, uma vez que vão brigar por conta do território. O ideal é que vivam em pequenos aquários, com plantinhas reais – não se deve colocar os modelos artificiais, em particular de plástico, pois podem rasgar as barbatanas dos bettas.

Outro detalhe é quanto a quantidade de água a ser colocada no reservatório. Como eles não necessitam de muito espaço, 5 litros de água condicionada são suficientes. Não se deve preencher  mais de 80% do tanque, pois os bettas são saltadores e, num salto podem alcançar até 3 centímetros de altura.

Bettas podem, em alguns casos, exigir um sistema de oxigenação da água. Não são todos os exemplares, portanto, é sempre importante fazer este tipo de verificação no local onde é adquirido o exemplar.

Estes peixinhos costumam reconhecer facilmente seus donos, e, assim como no caso de cães, o ideal é que apenas uma pessoa faça a sua alimentação.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!