Página Inicial > Viagens > América do Sul > Curta Buenos Aires Com Tudo o Que Você Tiver Direito

Curta Buenos Aires Com Tudo o Que Você Tiver Direito

Buenos Aires tem grandes vantagens para se visitar, um destino para quem tiver poucos dias, como também para quem tem bastante tempo para viajar. Em um final de semana prolongado, é possível aproveitar 3 a 4 dias por lá curtindo bastante. Mas não é muito tempo não, já que a capital dos nossos Hermanos é incrível e tem muito para ver.

Como ir para Buenos Aires

Buenos Aires conta com dois aeroportos, um deles é o Aeroporto de Ezeiza que fica a mais ou menos 35 km do centro da cidade, onde você irá desembarcar na capital argentina. É um aeroporto gigantesco com uma boa estrutura, o que vale a pena o desembarque.

Além disto você poderá desembarcar no Aeroparque Jorge Newbery que fica localizado no bairro do Palermo nas margens do Rio da Prata. Desde sua inauguração o terminal acabou sendo planejado para atender de forma específica as linhas nacionais. No ano de 2010 e contrapartida ele acabou passando a ser internacional, atendendo a voos de vários países vizinhos, o que inclui o Brasil.

Como grande vantagem para quem pousa ou decola do mesmo, ele fica somente a 2km do centro de Buenos Aires, e em poucos minutos de taxi do Centro de Buenos Aires e pagando bem pouco por isso. Para quem faz viagens curtas é uma ótima oportunidade, seja para um final de semana ou mesmo um feriado prolongado na capital argentina.

O aeroporto é pequeno e tranquilo, para quem gosta é perfeito. Existem caixas eletrônicos, lanchonetes, e ainda um pequeno free shop.

O que curtir na cidade

Na cidade temos mais de 3 milhões de habitantes, e na Grande Buenos Aires temos mais de 12 milhões de habitantes representando um equivalente de um terço da população.

A dimensão gigantesca da cidade não é um impeditivo para o visitante, já que é bem fácil se circular pela cidade. A cidade ao contrário de São Paulo preserva seus incríveis edifícios do século xix do centro da cidade, e são todas estas as construções que lhe conferem o sue falado ar europeu.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!