Página Inicial > Pet > Cuidados Necessários Para Adotar Um Pet

Cuidados Necessários Para Adotar Um Pet

Assim como adotar uma criança é um ato verdadeiro de amor e desprendimento, o mesmo se dá em casos em que as pessoas adotam pets. Não importa se ele é de raça definida ou não, se ele filhote ou não. O que importa é que o animalzinho irá receber um lar cheio de afeto, onde será cuidado e terá todas as condições para viver em paz. Muitos animais que estão em situação de adoção foram abandonados por antigos donos que, vivenciando o trabalho diário que um animal exige, resolveram que não queriam mais. Alguns são recolhidos em péssimas condições nas ruas, chegando e diversas vezes, não apenas apresentar desnutrição, mas também alguns ferimentos graves provocados por espancamentos.

Quem realmente deseja adotar um pet, no entanto, antes de sair em busca de abrigos de animais ou vasculhar feirinhas que são promovidas por Ong’s que oferecem a possibilidade de adoção, é importante ter alguns cuidados e medidas.

Nenhum morador da residência deve ter medo do pet que for escolhido para viver no lar. Quem possuir alergias graves a pelos de animais, deve fazer a opção por cães e gatos de pelagem curta ou sem pelos. Não dá para levar para casa e se arrepender depois.

Reserve tempo necessário de que a espécie escolhida pela família necessita para receber cuidados, carinho e amor. Alguns animais necessitam de pouco tempo, como aves, coelhos e répteis pequenos. Já quem decide por um aquário, precisa cuidar da água de forma periódica e rigorosa. Cães precisam de ao menos uma hora de passeio diário. Gatos, embora mais preguiçosos, precisam de ao menos 30 minutos de brincadeiras em ritmo intenso. Caso contrário, tendem a ficar obesos. Veja se não é apenas um impulso momentâneo.

Verifique ainda se há espaço necessário para a acomodação do animal escolhido. O ideal é que não se tenha cães, por exemplo, de grande porte em apartamentos, pois eles ficam com o espaço muito restrito e precisam passear de duas a três vezes ao dia. Para quem mora apartamento, o ideal é ter cães de raças pequenas, gatos, aves e todos os pets que possam viver em um espaço pequeno.

A escolha pelo sexo do animal também é outro fator importante, quando se escolhe cães e gatos para adoção. Gatos, por exemplo, são animais que procriam com muita facilidade e rapidez. E fogem também da mesma maneira para se reproduzirem. As fêmeas, em ambas as raças, enfrentam o desconforto – e a sujeira – provocadas pelo cio.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!