Página Inicial > Flores > Conheça a Flor Canhota: Linda para seu Jardim

Conheça a Flor Canhota: Linda para seu Jardim

A Flor canhota ou a Scaevola aemula.

De nome científico Scaevola aemula, a flor canhota é pertencente à família das Goodeniaceaes, e estão na categoria das flores perenes. A flor canhota preferencialmente se desenvolve muito bem em climas como mediterrâneo, oceânico, subtropical, e tropical. Trata-se de uma flor cuja origem é predominantemente australiana, mas que pode ser encontrada em outras partes da Oceania. É uma flor de pequeno porte, já que a sua estatura fica entre 0.1 a 0.4 metros de altura. Gosta de meia sombra, mas também aprecia sol pleno, dependendo de onde está sendo cultivada.

Para quem desconhece as características da flor canhota, ela é uma planta herbácea e florífera. Seu nome científico Scaevola significa “canhoto” em latim e faz alusão ao formato de mão das flores desta espécie. Daí seu nome popular. A flor canhota apresenta caule ramificado, ereto ou pendente, com folhas coriáceas, pubescentes, lanceoladas a obovadas, suculentas e de margens denteadas. Suas flores têm a forma de uma mão, com cinco pétalas, todas arranjadas de um mesmo lado. De acordo com a variedade as flores podem ser azuis, lilases ou brancas. As principais variedades cultivadas são “Blue Shamrock”, “New Wonder” e “White Wonder”.

É muito importante salientar que a flor canhota quando ereta forma moitas arredondadas e compactas, com cerca de 25 a 40 cm de altura, que podem ser utilizadas amplamente no paisagismo, em maciços e bordaduras. Aliás, trata-se de uma flor muito apreciada em projetos de jardinagem, devido ao seu pequeno porte, que não demanda grandes cuidados.

Já entre as chamadas variedades decumbentes, as mais comuns, apresentam menos porte e podem ser aproveitadas como forração, mas fazem sucesso mesmo em cestas suspensas e jardineiras, de onde é possível observar melhor seus ramos floridos. Sua floração acontece sempre no verão.

Para quem quer investir no cultivo da flor canhota, ou que é um paisagista que precisa trabalhar com ela, é importante conhecer ainda mais sobre o cultivo dessa flor. Embora ela não demande grandes cuidados, precisa ser cultivada Deve ser cultivada sob meia-sombra ou sol pleno, em solo leve, bem drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente.

A flor canhota também gosta muito do clima subtropical e tropical de altitude. Por isso, ela pode ser cultivada em climas mais frios, desde que protegida em estufas no inverno. Elas também toleram solos arenosos e salinidade, e por isso adaptam-se às regiões litorâneas. Sua resistência não é grande aos períodos de estiagem.

Vale lembrar que é uma flor que se multiplica por sementes e por estáquia.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!