Página Inicial > Compras > Como Comprar da China Pagando Barato?

Como Comprar da China Pagando Barato?

Comprar a preços modestíssimos e em larga escala. É o que promete, para os muitos shopaholis do mundo inteiro o comércio chinês. Já é de longa data, e sabido também por muitos, que a terra asiática tem-se destacado, não somente por sua história milenar, mas também por ser a grande fabricante de bugigangas produzidas por um custo irrisório e distribuídas em larga escala no mundo inteiro.

Mas, a dúvida que fica para muitos é, vale a pena mesmo fazer compras na China? Alguns especialistas em viagens garantem que, se o turista for a locais certeiros, mesmo com um custo de viagem oneroso e as taxas, dependendo do propósito, vale sim.

Xangai, por exemplo, é considerada a “meca”das compras para quem vai a China. E, para os que amam comprar, o ideal é que se leve uma mala vazia para ter onde colocar tudo o que será adquirido. Muitos produtos são ofertados lá, além de serem sedutores e com preços mais do que interessantes. A cidade costuma oferecer preços e condições melhores do que Hong Kong, que é o paraíso das pechinchas.

A principal rua comercial de Xangai é Nanjing Road, possui cerca de 5 kilômetros de extensão – também é uma das mais longas do mundo e foi criada a pouco tempo, no século XX. A rua é ideal para quem busca antiguidades, roupas e acessórios, joias, livros, comida e cosméticos de todas as variedades.

Já a Huaihai Road é conhecida como a Times Square de Xanguai além de ser comparada a Champs-Élysées em Paris e Harajuku, o bairro da moda em Tóquio. Há muitos shoppings que oferecem opções das mais diversas aos consumidores.

Para quem quer pechinchar o destino deve ser a North Sichuan Road, grande parte dos produtos comercializados lá é de procedência legal. Mas é importante tomar cuidado com as inúmeras falsificações.

Há também ainda os centros de compras como Jaili, onde se pode arrematar diversos objetos baratos como artesanato, New Shanghai, que fica no centro de Pudong, na zona financeira da cidade. Esta última é ideal para quem não gosta de bater perna.

Xujiahui abriga o moderno Grand Gateway Shopping Center, ponto ideal para quem gosta de bugigangas, com também ampla seleção de eletrônicos, softwares e gadgets futuristas.

Por fim, Yuyuan é o paraíso do artesanato chinês. Lá é possível encontrar peças exóticas de jade, bibelôs da época colonial e lembranças da Revolução Cultural, incluindo objetos com estampas de Mao-Tsé-Tung.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!