Página Inicial > Artesanato > Aprenda Como Preparar a Argila a Matéria Prima das Cerâmicas

Aprenda Como Preparar a Argila a Matéria Prima das Cerâmicas

 

A argila é uma das matérias primas mais antigas – se não a mais antiga – que existe na terra para a realização de artesanato. É com a argila que se produz algumas infinidades de peças de cerâmica. Mas, para quem está iniciando na arte da modelagem e trabalhos com argila é importante conhecer um pouco mais sobre essa massinha tão importante na história do homem bem como das artes manuais.

A argila é uma matéria prima encontrada abundantemente na natureza. Ela pode ser vista  nas margens dos rios, nos manguezais e outros locais com as mesmas características. A argila é usada pelo homem para representar seus medos e alegrias por milênios.

Outra característica importante da argila é que ela é extremamente barata, e de fácil manipulação. Com enorme elasticidade, a argila permite a execução de trabalhos dos mais delicados como as esculturas mais elaboradas e os modelos mais rústicos de trabalhos feitos com ela.

Outra grande vantagem de trabalhar com a argila é que ela possui uma capacidade natural de ser reciclada, ou seja, ela pode ser reusada sempre. É impressionante como a argila pode ficar guarda durante anos e, comum pouco de umidade (umidade certa) ela poderá ser usada como se fosse novinha.

Também é importante conhecer como se faz o trabalho de “recuperação” da argila, em diferentes casos.  Caso ela esteja ressecada, deve-se colocar a argila imersa em água por alguns dias e de preferência em pequenos pedaços. Caso esteja molhada demais, mole, ou sem a chamada plasticidade, é importante pegar uma quantidade suficiente para fazer um quadrado, bater insistentemente contra uma tábua ou qualquer superfície que possa ser molhada, até que o excedente de água seja removido.

Para as argilas que estão guardadas por longo tempo, deve-se enfiar um dedo no meio da argila ou nos cantos, atravessando-a quase totalmente e encher essa cavidade com água.
Tape em seguida o buraco com um pedacinho de argila, mantendo assim a água presa no interior e, consequentemente também a umidade.

Vale ainda lembrar que a duração da argila é eterna. Por isso, quem trabalha em ateliês com argila, já sabe que o processo de umidificar a argila é constante. E agindo assim a argila estará pronta esperando para realizar suas ideias artísticas.

No entanto, apesar da argila ser um excelente material, usado há milênios, não esqueça que pode ser substituída por massa escolar ou massa de modelar para trabalhos manuais.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!