Tudo sobre o Passaro João de Barro

O pássaro joão-de-barro ou forneiro é uma das aves que pertence ao grupo dos passeriforme oriundo da família furnariidae. É conhecidíssimo por fazer o seu ninho de barro em forma de forno, por essa razão é considerado pelos especialistas como o “arquiteto da natureza”.

O joão de barro é uma tradicional ave da Argentina, onde é carinhosamente chamado do “hornero”. Possui um dorso muito avermelhado, com uma sobrancelha bastante suave, e de plumagem marrom bem clara, a qual forma um verdadeiro contraste com a cor de sua cabeça que é bem mais escura. Sua cauda também é levemente avermelhada,  possui cerca de 20 centímetros de altura, menos do que um sabiá, pesando não mais do que 60 gramas. É capaz de voar longas distâncias. Possui um canto também admirável e o faz como se estivesse sabendo que está sendo observado, exibindo-se mesmo.

É uma ave muito particular: aproxima-se do homem com facilidade e segundo os pesquisadores, esta característica se dá pela ausência de timidez. Muito sociável, vive em diversos habitats, inclusive em centros urbanos, onde é possível ver sua casa sendo construída até mesmo em postes de eletricidade, que constitui um perigo para a sobrevivência da ave.

O João – de – barro alimenta-se de insetos e larvas, aranhas e artrópodes. Podem também consumir sementes. São aves monogâmicas e que formam casais que permanecem unidos por longos períodos. Caso um dos parceiros venha a morrer, o outro passa o resto da vida solitariamente. Costumam ser territorialistas e defendem seu espaço como se fossem animais de grande porte.

Seu ninho é feito de pequenos gravetos e barro, daí seu popular nome. O processo de construção de suas casas dura cerca de 18 dias.  Costumam sempre cantar antes de entrarem em suas moradas, mas podem pernoitar fora delas tranquilamente e isto é observado tanto em machos quanto nas fêmeas.

Após o acasalamento, a fêmea pode colocar de 3 a 4 ovos, sendo que a reprodução pode acontecer a cada 4 meses. O processo de incubação dura 14 e 18 dias, e logo que nascem são alimentados pelos pais durante quase um mês. Após o período de adaptação e fortalecimento dos filhotes, estes já estão prontos para voar e partir com destino a formarem suas próprias famílias.

Termos de busca: