Página Inicial > Casa e Apartamento > Decoração de Cozinha > Fogão por Indução é Mais Seguro Mesmo?

Fogão por Indução é Mais Seguro Mesmo?

Publicidade:

Saiba como funciona o fogão por indução

A tecnologia chega para todos os eletrodomésticos, até aqueles mais tradicionais, como é o caso do fogão. Uma das opções que está cada vez mais conquistando os consumidores brasileiros, mas que ainda apresenta preços muito elevados na comparação com os fogões convencionais, é o aparelho que cozinha através da chamada indução.

Mas antes de sair por aí comprando este fogão, é importante que as pessoas entendam como ele funciona, especialmente no que acaba diferenciando ele de outros eletrodomésticos. O fogão por indução funciona com eletricidade, portanto este já é um ponto que precisa ser levado em consideração.

Com isso, as pessoas acabam tendo um fogão mais seguro, uma vez que dispensa a utilização do gás, mas também vai acabar gastando mais na conta de luz. Além disso, quando houver qualquer tipo de interrupção no fornecimento de energia elétrica, as pessoas não vão conseguir cozinhar.

Além disso, este tipo de fogão não precisa ser acesso. Tudo o que as pessoas precisam fazer é colocar a panela em cima do local indicado no vidro, para que ele comece a aquecer aquele local, sendo que o aquecimento acontece rapidamente. Por isso, este fogão acaba funcionando somente com panelas com um fundo mais liso.

Uma outra característica deste fogão que precisa ser levada em consideração é o fato de que ele necessita de um determinado tipo de balcão para funcionar. Portanto, antes de comprar o equipamento, pesquise o modelo que mais lhe chama a atenção, pegue todas as informações sobre a instalação, que podem ser conseguidas facilmente através do site da marca, e saiba o balcão que precisa ser comprado para que o fogão por indução seja instalado.

Geralmente as empresas que criam cozinhas planejadas acabam tendo as especificações, modelos e tamanhos dos balcões, facilitando o trabalho e reduzindo a chance do consumidor comprar algo que não possa ser utilizado depois.